quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Ser ou Não Ser


De autor cujo nome ignoro, passo a contar uma história que parece anedota mas é apenas verídica… Dizem.


Em certa vila do distrito de Coimbra, existia uma fábrica de calçado que, em determinada época, atravessou uma crise financeira.
Preocupado, o empresário decidiu alargar o seu mercado de oferta, destacando para outras regiões os viajantes que habitualmente trabalhavam a praça.
A coincidência proporcionou a dois deles visitarem a mesma localidade a fim de ativarem a prospeção dos sapatos e incentivarem a venda.
Como tinham de enviar para a Empresa um resultado prévio das suas pesquisas, cada um elaborou o seu relatório consoante o que tivera ensejo de observar.
Assim foi que o gerente da Firma recebeu de um deles, o seguinte telegrama:

“Vila muito pobre. Negócio impossível. Aqui ninguém usa calçado.”


Entretanto, o colega telefonava, eufórico, para que lhe enviassem os modelos constantes do seu mostruário:

- “Belíssimas perspetivas. Aqui, toda a gente anda descalça.”