domingo, 2 de junho de 2013

Dia Mundial da Criança



A CRIANÇA

Olhar confiante, luminoso e belo.
Cabelo solto acariciando o vento.
Vozita doce como um caramelo
na oferta pura de qualquer momento.

Da boca saem risos em novelo.
Os anjos brincam no seu pensamento.
A palavra é cristal, pérola, selo
das nossas vidas a quem dão alento.

Em seu louvor o mundo foi criado,
semeado de amor como num prado,
pujante em todo o ser de uma criança.

Para ela, da terra, a flor nasceu,
as estrelas, montanhas, mar e céu,
para ela que vibra na esperança
……………………………….......

e nos dá a esperança que perdemos
e ensina a viver quando morremos.


(Poema dedicado a Bruno Filipe e a todas as crianças do mundo)